Mais solidariedade e menos depressão

A História dos movimentos pelos direitos dos deficientes, mais especificamente o caso da ACDEM (Associação da Casa dos Deficientes de Ermelino Matarazzo), demonstra o engajamento das mães, familiares e voluntários nas reivindicações por atendimento a este público. O cenário da região do bairro de Ermelino Matarazzo era de desamparo, não havia atendimento a este público, quando o líder comunitário Padre Ticão idealiza e inicia o movimento por tratamento digno aos deficientes, cria-se perspectiva. A partir deste ideal, se inicia um movimento que se desenvolve, funda a associação em questão e evolui para suprir as necessidades da região. A atuação da ACDEM vai além do público dos deficientes, suprindo outras carências locais também. Tendo como base as referências teóricas e bibliográficas, a vivência e participação deste autor e entrevistas realizadas com pessoas que participam da associação desde o início da organização, o presente trabalho parte do histórico da entidade que serve como estudo de caso desde o seu movimento fundador, analisando a partir das teorias do desamparo aprendido, da lógica da ação coletiva e do modelo de consciência política proposto pelo psicólogo Salvador Sandoval. Revelando o protagonismo dos deficientes que se desenvolvem na entidade, e concluindo que o caso da instituição é a constatação de que os sentimentos de solidariedade e companheirismo são componentes que previnem ou remediam um quadro depressivo por uma situação de desamparo.

Autor: Ricardo Baba

Acabamento: brochura
Tamanho: 14 x 21

Páginas: 70

Compre já! Preço exclusivo de pré-venda!

De R$ 39,90 por R$ 36,90! [Envio simples, sem código de rastreio]





De R$ 39,90 por R$ 36,90! [ [Envio + R$ 5 = 41,90! [Envio simples, com código de rastreio]






blog twitter Facebook